AMIGOS DO BLOG VEJA E SINTA SEJA UM MEMBRO

3 de jan de 2014

A SUPERABUNDÂNCIA DE UM NOVO NASCIMENTO.

A SUPERABUNDÂNCIA DE UM NOVO NASCIMENTO.
 
 
“Jesus disse: - Aquele que não nascer de novo não poderá ver o reino de Deus.” (João cap.3 vers.3).
 
Quando uma criança nasce, existe uma alegria contagiante que envolve não somente o pai e a mãe da criança, mas também os médicos e enfermeiros que trabalharam no processo de parto, mesmo estando acostumados com esta rotina diária, a grande maioria destes profissionais estão á todo tempo maravilhando-se com o milagre da vida. Creio que nenhuma mãe se esquece da primeira vez em que amamentou o seu primeiro filho, a alegria da mãe é tanta que ela acaba esquecendo das dores que ela estava sentindo.
 
Agora, saiba que toda esta alegria e satisfação não é nem um pouco comparada ao nascimento sobrenatural do Filho de Deus. A maioria das pessoas do mundo não tem demonstrado interesse nem pelo evento de nascer de novo, e muito menos tem demonstrado interesse pela chegada de Cristo na terra, onde também houve uma alegria contagiante que envolveu uma celebração entre os anjos do céu.
 
Quanto mais o tempo passa, quanto mais Cristo se aproxima da Sua volta, mais as pessoas desvalorizam o chamado Dele para um novo nascimento. Em (Lucas cap.15 vers.10) o próprio Cristo confirma que os anjos do céu festejam quando uma pessoa de forma sincera se arrepende de seus pecados: “...há alegria entre os anjos de Deus quando um pecador se arrepende”. Não somente hoje, mas também em todo este ano de 2013, em todo o mundo poucas pessoas valorizaram o chamado para um novo nascimento do ser humano que se encontra com cada vez mais dificuldade de reconhecer a sua própria condição de pecador, e de tomar a decisão de arrepender-se e aceitar a Cristo como seu Senhor e Salvador, para que ele possa passar a ser conhecido como nova criatura.
 
Desde Gênesis á Apocalipse, as 3 palavras mais encontradas na Bíblia Sagrada são: Deus, Senhor, e Porque. A Bíblia Sagrada além de ser o maior e melhor manual de comportamento humano do mundo, também é considerado o maior manual socorrista do mundo. As duas primeiras palavras, ou seja, as palavras Deus, e Senhor, também podem ser classificadas como palavras de Socorro, pois ambos representam o nosso Socorro. Também, durante os nossos momentos de oração, são exatamente estas mesmas 2 palavras as mais expressadas. Observe que (Salmos cap.121 vers.2) traz um grande exemplo desta análise: “O meu socorro vem do Senhor Deus...”
 
“O meu socorro vem do Senhor Deus, que fez o céu e a terra. O Senhor guardará você; Ele está sempre do seu lado para protegê-lo. O Senhor guardará você de todo o perigo; Ele protegerá a sua vida.” (Salmos cap.121 vers.2,5,7).
 
Deus, e Senhor: Nomes que também representam Socorro, Proteção, Estratégia, Ação, Resposta, Determinação, Confiança, Certeza, Obediência, Administração, Perfeição, Justiça, Providência, e Salvação.   
 
Deus não trabalha com interrogações, mas sim com determinações:
 
A determinação gera a providência;
A providência gera a resposta;
A resposta gera o milagre;
O milagre gera a transformação;
A transformação gera a salvação;
A salvação conclui a obra perfeita;
 
“Deus disse: – A minha força estará sempre com você, e o Meu poder o tornará forte. Os seus inimigos nunca o vencerão, e os maus não o derrotarão. Eu destruirei os seus inimigos, e também todos aqueles que te odeiam. Sempre serei fiel á você, te amarei, e te tornarei vencedor através do Meu poder.” (Salmos cap.89 vers.21 á 24).
 
Só existe um verdadeiro sentido para todas as coisas: Observe que em (Mateus cap.5 vers.17,18,20), Jesus deixa bem claro que a sua missão não era a de acabar nem com a Lei e nem com os Profetas, mas sim a de mostrar qual é o verdadeiro sentido de todas as coisas. O seu ensinamento, ou seja, o seu modo de socorrer, é mostrando qual é a verdadeira vontade de Deus que está por trás dos mandamentos. Jesus disse o seguinte: “ – Não pensem que eu vim para acabar com a Lei de Moisés ou com os ensinamentos dos Profetas. Eu não vim para acabar com eles, mas sim para mostrar qual é o verdadeiro sentido. Eu afirmo a vocês que isto é verdade: enquanto o céu e a terra existirem, nada será tirado da Lei, nem mesmo uma letra ou acento. E digo que assim será até o fim de todas as coisas. Só entrarão no Reino do Céu aqueles que forem fiéis em fazerem a vontade de Deus, e não a vontade dos mestres da Lei e dos fariseus.”
 
“- Felizes são as pessoas que possuem um coração puro, pois elas verão á Deus. Portanto, estejam alegres e felizes, pois uma grande recompensa está guardada no céu para todos vocês. A luz de vocês deve brilhar para que os outros vejam as boas obras que vocês fazem. E não deixem de louvar á Deus, que está no céu.” (Mateus cap.5 vers.8,11,12,16).
 
“O meu socorro vem do Senhor Deus, que fez o céu e a terra. O Senhor guardará você; Ele está sempre do seu lado para protegê-lo. O Senhor guardará você de todo o perigo; Ele protegerá a sua vida.” (Salmos cap.121 vers.2,5,7).
 
Quando o assunto é sobre superabundância, primeiramente você precisa aprender 3 outras regras relacionadas a principios e regras:
 
1ª) A superabundância se evidencia no eterno princípio de Deus a respeito da salvação: Observe que (Tiago cap.1 vers.18) apresenta a seguinte ideia: “Foi segundo á Sua própria vontade que Deus nos gerou através da palavra da verdade, para que nós fôssemos considerados como primícias das Suas próprias criações.”     
 
2ª) A superabundância aparece na conquista histórica da redenção humana por meio da obra de Cristo, e também na aplicação contínua e progressiva da redenção, até alcançar a consumação na liberdade da glória dos filhos de Deus:
 
3ª) O novo nascimento, apesar de fundamental, é apenas um dos passos dados durante um processo de salvação capaz de gerar a eternidade. A eterna soberania do Senhor nos dá o direito da livre escolha em todos os aspectos da vida, de uma forma em que o livre-arbítrio do ser humano é respeitado: Observe que (1ª João cap.3 vers.9) ensina que nós não podemos deixar de mencionar que o novo nascimento precede precede a entrada no Reino de Deus: “Aquele que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece Nele; e não pode percar, porque é nascido de Deus.”
 
“Aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus.” (João cap.3 vers.5).
 
  O novo nascimento também nos ajuda a entender melhor o que realmente acontece quando Deus resolve tomar uma iniciativa salvadora. As passagens de (João cap.3) ensinam que de acordo com a visão de Jesus, a salvação de uma determinada pessoa depende primeiramente de seu nascimento físico, e depois de seu nascimento espiritual, pois para nascer do Espírito e ser salvo, primeiramente é necessário que este pessoa esteja viva fisicamente.
 
“Aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus.” (João cap.3 vers.5).
 
Teologicamente falando, em (João cap.3) é possível identificar a existência de uma fonte espiritualmente regeneradora, onde o próprio Jesus explica o modo de como esta fonte funciona. O trecho central de (João cap.3 vers5) que diz “nascer da água e do Espírito”, também conclui que ninguém pode ser salvo por meio de ritos religiosos onde a água é usada de forma indevida e pecaminosa. Somente Jesus Cristo deve ser considerado como sendo a única e verdadeira fonte, ou seja, a fonte da “água da vida”, a única água capaz de suprir todas as necessidades do coração de uma pessoa, e também preencher a sua vida por completo. Também é importante lembrar que o batismo é um importante sinal de algo que já aconteceu, mas não um meio pelo qual somos regenerados. Metaforicamente á água é considerado um símbolo de purificação que implica o fato de que a pessoa deve ser purificada. A verdadeira água é Cristo, e não á água liquida que é utilizada. Quando uma pessoa está prestes a descer sobre a água utilizada no batismo, primeiramente esta pessoa deve ser apresentada á Deus em nome do Pai, do Filho, e do Espírito Santo, antes dela descer ás águas. O Filho, ou seja, Jesus Cristo, é a verdadeira Água, ou seja, a Água da Vida. Quanto á outra água (aquela em que a pessoa é molhada) trata-se apenas de um símbolo, e não tem nada a ver com a Água da Vida que é Cristo. Observe que em (João cap.4 vers.14) o próprio Jesus ensina que apenas Ele é a única Água da Vida: “Aquele que consumir a água que Eu lhe der, nunca mais terá sede. Porque a água que Eu lhe der irá se transformar em uma fonte de água de vida eterna.”
 
1ª) Jesus é a fonte;
2ª) Jesus é a água;
3ª) Jesus é a vida;
4ª) Jesus é a transformação;
4ª) Jesus é a salvação;
 
CONCLUSÃO: Jesus é a fonte da água da vida (á água que transforma e que salva). O novo nascimento só pode ocorrer através de Cristo (á única e verdadeira Fonte da Água da Vida) !!!
 
“... – Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Todo aquele que crer em mim, do seu interior fluirão rios de água viva.” (João cap.7 vers.38).
 
“Derramarei água para que rios corram sobre o deserto. Eu derramarei o Meu Espírito sobre todos os seus descendentes, e a minha bênção sobre todos os teus descendentes.” (Isaías cap.44 vers.3).
 
“O anjo também me mostrou o rio da água da vida. A água era brilhante como o cristal. A sua nascente se localizava no trono de Deus e do Cordeiro.” (Apocalipse cap.22 vers.1).
 
Existe também uma outra passagem bíblica que aborda o novo nascimento de maneira mais clara. Observe que em (1ª Pedro cap.1 vers.23) diz o seguinte: “Pois vocês, pela viva e eterna palavra de Deus, nasceram de novo como filhos de um Pai que é imortal...” 
 
 Veja que nesta passagem de (1ª Pedro cap.1), o apóstolo também nos traz uma segunda afirmação da seguinte forma: “É por meio da morte de Cristo e também por meio da fé Nele, que nós já fazemos parte da família de Deus.”
 
É preciso entender as seguintes observações:
 
A) Tudo o que Deus fala possui princípios e regras !!!
B) A Bíblia Sagrada é um manual de comportamento humano repleto de princípios e regras !!!
C) Os princípios e regras encontrados na Bíblia Sagrada servem para suprir as necessidades do ser humano !!!
D) Os princípios e regras encontrados na Bíblia Sagrada faz com que tenhamos acesso á Fonte da Água da Vida !!!
E) A Fonte da Água da Vida não morre, mas vive eternamente. A Fonte da Água da Vida é a mesma ontem, hoje, e eternamente !!!
 
Os princípios e regras encontrados na Bíblia Sagrada, exercem uma ação direta fecundativa semelhante á ação de um “espermatozoide”. Ensinos e metáforas contrárias aos princípios e regras apresentados na Bíblia Sagrada devem ser deixadas de lado. Talvez você possa ter até estranhado o porque de eu ter usado a palavra “espermatozoide”, mas pode deixar que vou te explicar abaixo o porque desta palavra ter sido usada como exemplo de explicação. Na verdade trata-se de uma estratégia que envolve processos de uma criação:
 
1ª PROCESSO: Deus planta em nosso coração uma espécie de “óvulo da fé salvadora”, pois a própria Bíblia Sagrada mostra que nem mesmo a fé que nós temos partiu de nós. A fé é um dom de Deus. Observe que em (Efésios cap.2 vers.8), Paulo ensina que: “Pois é pela graça de Deus que vocês são salvos por meio da fé. A fé não vem de vocês. Na verdade, a fé é um presente que Deus dá para todos os Seus.”
 
2ª PROCESSO: Deus manda a semente da Sua Palavra que contém vida divina. A semente penetra sobre o “óvulo da fé”. Observe que em (Efésios cap.2 vers.12 e 13), Paulo ensina que: “Naquele tempo vocês estavam separados de Cristo, portanto, não pertenciam ao Seu povo escolhido. Vocês não tinham parte nas alianças que eram baseadas em Suas promessas para o Seu povo. E neste mundo vocês viviam sem esperança alguma, pois não tinham Deus. Mas agora que vocês estão unidos com Cristo Jesus, vocês que estavam longe de Deus, foram trazidos para perto Dele através da morte de Cristo na cruz. Cristo nos trouxe a verdadeira paz...” 
 
CONCLUSÃO: O resultado é a concepção da nova criatura, ou seja, um ser regenerado. Observe que em (2ª Coríntios cap.5 vers.17), Paulo diz que: “Todo aquele que estiver unido com Cristo, será considerado uma nova pessoa...”
 
“Por isso Deus deu a Jesus a mais alta honra, e pôs nele o nome que é o mais importante de todos os nomes, para que em homenagem ao nome de Jesus, todas as criaturas no céu, na terra, e no mundo dos mortos, caiam de joelhos e declarem abertamente que Jesus Cristo é o Senhor...” (Filipenses cap.2 vers.9,10,11).
 
Finalmente, de forma conclusiva, uma nova vida espiritual vem á existência, ou seja, uma nova vida que possui a origem de Deus, sem nenhuma ligação com o pecado. É exatamente por esta razão que agora a pessoa poderá dizer que: “Sou uma nova criatura !”
 
Você jamais será o mesmo depois que o Espírito Santo entrar e implantar a vida de Deus em você !!!
Creia nestas palavras, pois elas são verdadeiras !!!
 
 
FELIZ 2014,
QUE DEUS TE ABENÇOE.
 
Ministério de Aperfeiçoamento á Pastores e Líderes
A vida é feita de Movimentos !!!
 

Nenhum comentário: